Luang Prabang: mon amour

Luang Prabang, já de cara, me passou uma sensação totalmente diferente da Tailândia. O lema do Laos é: “Não tenha pressa, por favor” (Don´t rush, please). A cidade é tranquila… o mercado noturno até você duvida que é um mercado, o maior silêncio… ninguém grita aqui, ninguém buzina… o trânsito é tranquilo… Muita paz.
A cidade é bem pequena, dá para fazer tudo a pé ou de bicicleta. Se bem que é tão pequena que nem bicicleta achamos que valia a pena alugar. Tem bastante árvore aqui e dois rios que envolvem a península: o Mekong e o Nam Kham. A cidade é de colonização francesa, e você percebe isso na arquitetura, nas placas escritas em francês… e nas baguetes maravilhosas que eles fazem por lá! Eu não curto café, mas Rômolo disse que foi o melhor café que ele já provou desde o começo da viagem.

Assim como Chiang Mai, o ar é super poluído por causa das queimadas dessa época… ar seco. Sempre bom andar com um colírio na mão. Por conta disso, no fim da tarde você olha para o sol se pondo e vê uma bola de fogo bem definida no céu… Maravilhas que só a poluição faz por você!
A comida… é beeeem normal. Me fez sentir saudade da variedade de comidas na Tailândia. Na verdade as comidas em Luang Prabang são bem parecidas com as tailandesas… sopa de noodles com frango, arroz frito… e por aí vai… Quase todos os dias comemos no Food Market, onde tem um buffet vegetariano que você enche o prato o quanto quiser e só paga 10.000 kips por isso. Se quiser pode complementar com os frangos e peixes na brasa. Aliás os peixes são muito bons mesmo, bem saborosos e custam entre 20.000 e 30.000 kips…
Falando em dinheiro… isso tem sido um grande problema. A moeda do Laos é o kip, e ele é tão desvalorizado que nem moeda existe… Aqui somos milionários. 5.000 kips equivale mais ou menos a R$ 1,00. O banco não deixa sacarmos mais que 1.000.000 de kips, então toda vez que sacamos dinheiro temos que pagar uma taxa de 20.000 kips, e isso é outro problema. O terceiro problema, é que esses zeros todos me confundem muito, então tenho a impressão de que estou pagando muito caro por tudo… o que na verdade não deixa de ser só impressão, já que na janta pagamos apenas R$ 2,00 para comer.

A cidade para mim tem um ar bem romântico… vários cafés charmosos, casarões… Aqui tem muuuuitos franceses e muito idosos que visitam a cidade em tours. Muitos laos falam francês. Outra coisa bacana para fazer são os trekkings, andar de elefante, caiaque… parece que é mais interessante fazer isso aqui do que em Chiang Mai, tenho a impressão de que as agências são mais confiáveis.

Se você quer ferveção… não sei se Luang Prabang é o melhor dos lugares. Aqui é tranquilo MESMO! 23h você não ve uma viva alma nas ruas. Um dos barzinhos mais famosos é o Utopia Bar, é bar para gringo, mas muito incrível… sei que você tem que seguir umas 5 placas para chegar lá e quando chega vale muito a pena… fica na beira do Nam Kham, todo iluminado com velas e a galera se reúne lá a noite para se sentar nas almofadas no chão e tomar uma Beerlao. Mas 23h eles começam a expulsar todo mundo hehe…

Tivemos dias definitivamente de paz e especialmente por causa das pessoas do Laos… Nunca vi povo tão querido, simpático e feliz. Seguimos os dias no país no clima: “Sem pressa, por favor!”, devagar, devagar…

Anúncios

8 respostas em “Luang Prabang: mon amour

  1. Fantástico o blog de vocês! Tive a sorte de conhecê-lo exatamente quando a viagem de vocês começava, e tenho tido o prazer de acompanhar desde então! Cada vez tenho mais certeza que uma viagem pelo Sudeste Asiático é o presente que eu vou me dar quando me formar.

  2. O blog de voces é excelente. estou programando minha viagem para indochina e tenho lido todas as suas dicas!! Será que voce poderia me dizer se é possivel fazer o passeio das cachoeiras e de elefante no mesmo dia em Luang Prabang? Bjos

    • Oi pri, tudo bem?

      Eu acho que é possível sim, na verdade vi que tinha uns tours que faziam várias coisas no mesmo dia… quer dizer, pode ser que seja corrido né, mas a possibilidade existe sim.

  3. Os textos de vocês estão me ajudando imensamente, obrigada!
    Estou indo dia 5 e passaria apenas dois dias em luang Prabang, mas estou me quebrando com uma coisa : o preço dos voos é o dobro dos preços para o Camboja, Vietnã e Mianmar, e estou pensando se vale a pena fazer um correrio e gastar para ficar apenas dois dias.
    Nosso roteiro vai incluir 3 dias em hanoi, 3 em Siem Reap, 3 em Chiang Mai e 4 no Mianmar, além de Bangkok e praias.
    Na opinião de vcs, vale a pena passar um certo trabalho para passar esses dois dias em Luang (que eu achei uma graça, mas não encontrei coisas muito específicas que eu queria fazer, gostei mais do jeito da cidade, do espírito mesmo…), ou acreditam que eu aproveitaria melhor dividindo esses dias nos outros destinos?

    Sei que é uma opinião muito pessoal, e inicialmente não iríamos a Hanoi. Porém não conseguimos desistir de halong bay e então é um destino a mais para o mesmo período de viagem, por isso pensei em cortar o Laos.

    Se puderes dar um pitaco, agradeço muito!

    • Siiiim, eu li que tu não dá pitacos…
      😦

      Mas a tenteada é livre, hehehe!

      De qualquer forma muito obrigada 😉

    • Oi Camila, na minha opinião super pessoal, eu não me materia para passar mais tempo lá, eu sempre priorizo passar mais tempo em um lugar do que pouco tempo em vários. 😉

      Boas trips!!!

      • Obrigadas! Decidimos arranjar um dia a mais em ficar 3 em Luang Prabang.
        Quanto mais leio sobre ela, mais apaixonada fico…

        Muito obrigada pela gentileza de opinar 😉

  4. Ai, que delícia de relatos! já amei Luang Prabang só pelo que li aqui!!!! Estou planejando minha viagem para Tailândia, Laos e Vietnan em abril de 2015 e vou me fartar de ler esse blog!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s